«

»

Jun 25

Imprimir Artigo

Ford Edge – o irmão mais crescido do Kuga

Dentro de pouco mais de um ano, será possível começar a ver o Ford Edge a percorrer as estradas europeias. Este SUV, que até agora não estava à venda na Europa, foi renovado “dos pés à cabeça”, com o objectivo de alcançar o sucesso no segmento de grandes SUV’s, na sua chegada ao velho continente.

FordEdge_01

O Ford Edge 2015 é um SUV de tamanho generoso, superior ao Kuga, não só em tamanho mas também em equipamento e características, uma vez que o objectivo será competir com rivais de peso neste segmento, como o Volkswagen Tuareg, Nissan X-Trail ou Hyundai Santa-Fé.

FordEdge_02

Segundo a Ford, um dos pontos chave para o sucesso do Edge na Europa será o facto de oferecer qualidade e mais espaço que os seus rivais a um preço mais competitivo. A tecnologia será outro dos factores chave do Edge, com destaque para o ecrã de grandes dimensões no tablier (para o sistema de navegação e entretenimento), painel de instrumentos completamente digital, reconhecimento de sinais de transito, cintos de segurança traseiros com airbag, entre outras funcionalidades.

FordEdge_05

O Ford Edge deverá também estrear a nova direcção assistida com desmultiplicação variável da Ford, uma característica até agora presente apenas em veículo de gama alta, que adapta a resposta da direcção às condições e velocidade de condução.

FordEdge_03

O novo SUV da marca norte-americana chegará à Europa no final de 2015 com dois motores baseados no bloco turbodiesel 2.0 Duratorq TDCi; o mais económico terá 180 cavalos de potência, binário de 400 Nm e emissões de 149 g/km CO2, com caixa manual de 6 velocidades, enquanto a versão mais musculada terá potência de 210 cavalos, 450 Nm e emissões de 159 g/km CO2, com caixa automática PowerShift de seis velocidades (com patilhas no volante).

FordEdge_04

Link permanente para este artigo: https://pelaestradafora.com/2014/06/ford-edge-o-irmao-mais-crescido-do-kuga/

1 comentário

  1. Jorge

    SEM DUVIDA QUE O CARRO É LINDO, MAS……… CALMA, ESTA NÃO É A VERSÃO FINAL. ESSA É HORRIVEL, COM UMA DIANTEIRA MUITO FEIA.
    E COMPETIR COM O SANTA-FÉ COM UM CUSTO DE 40.000€ É OBRA….

Deixar uma resposta